Associação Japonesa de Santos – Bunkyonet

Ex-presidente Sérgio Doi é homenageado em cerimônia na AJS

Associação Japonesa de Santos

Postado em 29/10/2013 às 3:00

A Associação Japonesa de Santos homenageou o engenheiro Sergio Norifumi Doi, ex-presidente da entidade nos últimos quatro anos (2009/2012), em uma cerimônia realizada na sede da entidade no dia 19 de outubro. Na ocasião, que contou com a presença de diretores e convidados, houve a inauguração da foto de Doi na galeria dos ex-presidentes da AJS.

Sergio Doi deixou um legado de trabalho e dedicação, sobretudo na reativação da escola japonesa. “Ao final do primeiro ano, em dezembro de 2009, nós tínhamos 20 alunos matriculados. Em 2010, dobramos para 41 estudantes. No seguinte (2011), fechamos com 60 e, no último ano da minha gestão, haviam 88 alunos”, lembra o homenageado.

O ex-presidente ainda fez um balanço sobre os eventos realizados pela entidade durante o período. “Demos continuidade aos tradicionais (Undokai e Keurokai) e também trabalhamos muito na realização do Festival da Cultura Japonesa visando a difusão da cultura através de apresentações artísticas, exposições e culinária. Na segunda gestão, nós demos prioridade para a manutenção do casarão, que apresentava infiltrações e vazamentos em toda extensão. Reformamos as partes mais afetadas e o anexo. Conseguimos inaugurar quatro salas para a Escola Japonesa, todas com ar-condicionado, além de reformamos o dojo”.

Perfil

Nono presidente da história da Associação Japonesa de Santos, Sergio Norifumi Doi nasceu em 30 de setembro de 1952 em Mogi das Cruzes, no interior de São Paulo. Integrante da terceira geração da comunidade nipo-brasileira, formou-se engenheiro de materiais formado pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), com mestrado em Engenharia Nuclear pela Universidade de São Paulo (USP) e doutorado em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Sergio chegou a Santos na década de 1980 e trabalhou na antiga Companhia Siderúrgica Paulista (Cosipa) até sua aposentadoria. Desde 1987 é professor titular da Universidade Santa Cecília (Unisanta), em Santos. Seu envolvimento com a comunidade nipo-brasileira começou com o Undokai e com as comemorações de início de ano, quando a Associação Japonesa era formada basicamente pelos isseis – imigrantes que deram início à imigração no Brasil – e idosos.

Na gestão de Hiroshi Endo, de 2004 a 2008, Sergio colaborou como secretário da entidade, o que permitiu um maior envolvimento com as atividades e o cotidiano da Associação, que nesta época retomou o casarão após cessão do Governo Federal e estava em meio aos preparativos para o Centenário da Imigração Japonesa.

Casado e pai de três filhos, Sergio Norifumi Doi sucedeu Endo no comando da Associação Japonesa de Santos de 2009 a 2012. Neste período, realizou diversas melhorias da infraestrutura da sede e no que viria a se tornar a Escola de Língua Japonesa da entidade, que passou a contar com a colaboração de intercambistas voluntários da JICA (Agência de Cooperação Internacional do Japão – Japan International Cooperation Agency).

Houve novidades também na área de comunicação e de difusão cultural. O Festival da Cultura Japonesa foi incorporado ao calendário da Associação após o Centenário da Imigração Japonesa, e se tornou o segundo maior evento da entidade. Após deixar a presidência, no início de 2013, permanece como membro efetivo do conselho deliberativo.



Busca

Apoio

  • JICA
  • Bunkyo