Associação Japonesa de Santos – Bunkyonet

Eventos homenageiam 106º aniversário da Imigração Japonesa no Brasil

Associação Japonesa de Santos

Postado em 13/06/2014 às 0:00

Há 106 anos, no dia 18 de junho de 1908, o navio Kasato Maru atracava no Porto de Santos trazendo os primeiros imigrantes japoneses. Para lembrar a data, a Associação Japonesa de Santos realiza uma programação especial, aberta ao público.

Na quarta-feira (18), às 9h, a diretoria da AJS e membros da comunidade japonesa depositarão flores no túmulo do intérprete Sakae Mine, no Cemitério do Paquetá. Um dos pioneiros da imigração, Mine chegou à cidade um mês antes para conhecer o país e preparar a chegada dos imigrantes. Em seguida, às 9h30, haverá uma visita ao Armazém XIV, hoje ocupado pela Votorantim, local onde o navio Kasato Maru atracou na cidade. Ali, um monumento contém os nomes dos passageiros que deram início à maior comunidade japonesa fora do Japão.

A última parada acontece no Monumento ao Imigrante Japonês, no Parque Municipal Roberto Mário Santini (Emissário Submarino). No local serão colocadas flores, e haverá uma demonstração de odori (dança tradicional).

Sessões de cinema

Também em comemoração ao 106 anos da Imigração Japonesa no Brasil, o Museu da Imagem e do Som de Santos (MISS) realiza exbições de filmes ligados à cultura japonesa. A primeira sessão acontece na segunda-feira (16), às 20h, com o filme “Tampopo”, comédia de 1985 dirigida por Juzo Itami. Na quarta-feira, também às 20h, será a vez do filme “A Partida” (Okuribito), drama filmado em 2008 sob direção de Yojiro Takita.

O MISS fica no piso térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão, na Avenida Pinheiro Machado, 48 – Vila Mathias. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (13) 3226-8019.

Sobre o Kasato Maru

O Kasato Maru foi originalmente um navio-hospital russo utilizado durante a Guerra Russo-Japonesa. No final das batalhas, passou para os japoneses como indenização de guerra, sendo depois adaptado para o transporte de passageiros. A viagem que deu início à imigração japonesa no Brasil durou 52 dias, saindo do Porto de Kobe até o cais santista. Nele vieram 781 pessoas que tinham como destino final as fazendas cafeeiras do interior do estado de São Paulo.

O Kasato Maru ainda chegou a fazer mais duas viagens ao Brasil, desta vez como navio cargueiro. Durante a Segunda Guerra Mundial, foi utilizado pelo governo japonês como embarcação de apoio até ser bombardeado por aviões russos e afundar no mar de Bering.



Busca

Apoio

  • JICA
  • Bunkyo