Associação Japonesa de Santos – Bunkyonet

Ex-presidente Arata Kami morre aos 95 anos

Matheus Misumoto

Postado em 12/03/2018 às 16:25

Ex-presidente Arata Kami

Ex-presidente Arata Kami durante evento da Associação em 2016 (Foto: Matheus Misumoto)

Arata Kami, ex-presidente e sócio benemérito da Associação Japonesa de Santos, faleceu neste domingo (11) em Santos, aos 95 anos. Comerciante aposentado, ele exerceu a liderança da entidade durante 25 anos e foi um dos expoentes na luta pela devolução do casarão da antiga Escola Japonesa.

Kami deixa os filhos Sayoko e Kiyoko. Era também seu filho Roberto, falecido. O velório ocorreu no cemitério Memorial de Santos. A cremação será nesta segunda-feira (12), às 17h, na sala 3 do mesmo local.

Biografia

Arata Kami foi o sétimo presidente da Associação Japonesa de Santos. Nasceu na província de Fukuoka, Japão, em 19 de março de 1922. Em 1933, aos 11 anos, veio para o Brasil. Trabalhou por 23 anos no ramo da agricultura em Cafelândia, Bastos e Lins, cidades do interior de São Paulo.

Em 1956, veio para Santos onde abriu um comércio. Quatro anos mais tarde, foi chefe de vendas de produtos agrícolas da Cooperativa Agrícola Sul-Brasil, filial Santos, função que exerceu até 1988, passando, posteriormente, a gerente. Na área social, Arata Kami ingressou em 1976 como encarregado da filial Santos do Fukuoka Kenjin-Kai do Brasil.

Em março de 1977, tornou-se comissário em Santos da Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo. Assumiu a presidência da Associação Japonesa de Santos em janeiro de 1979, função que exerceu até 2003. Em março de 2001, foi homenageado pela Câmara Municipal de Santos com a medalha de Cidadão Santista. Desde janeiro de 1985, foi comissário do intercâmbio entre Santos e as cidades coirmãs Nagasaki e Shimonoseki.

Pela sua trajetória na comunidade nipo-brasileira e na Associação Japonesa de Santos, Arata Kami recebeu, no dia 6 de dezembro de 2014, o título de sócio benemérito da entidade. Em dezembro de 2016, Kami esteve presente no coquetel que celebrou os 10 anos da retomada do casarão que abrigava a Escola Japonesa, hoje sede da Associação Japonesa de Santos, que havia sido confiscado durante a 2ª Guerra Mundial. Na ocasião, Arata Kami posou para fotos com autoridades, membros e ex-presidentes da instituição.



Busca

Apoio

  • JICA
  • Bunkyo