Associação Japonesa de Santos – Bunkyonet

Arata Kami (1978-2003)

Arata Kami, 7º presidente da AJSArata Kami foi o sétimo presidente da Associação Japonesa de Santos. Nasceu na província de Fukuoka, Japão, em 19 de março de 1922. Em 1933, aos 11 anos, veio para o Brasil. Trabalhou por 23 anos no ramo da agricultura em Cafelândia, Bastos e Lins, cidades do interior de São Paulo. Foi casado com Kinuko Kami e teve três filhos – Sayoko, Kyoko e Roberto.

Em 1956, veio para Santos onde abriu um comércio. Quatro anos mais tarde, foi chefe de vendas de produtos agrícolas da Cooperativa Agrícola Sul-Brasil, filial Santos, função que exerceu até 1988, passando, posteriormente, a gerente. Na área social, Arata Kami ingressou em 1976 como encarregado da filial Santos do Fukuoka Kenjin-Kai do Brasil.

Em março de 1977, tornou-se comissário em Santos da Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo. Assumiu a presidência da Associação Japonesa de Santos em janeiro de 1979, função que exerceu até 2003. Em março de 2001, foi homenageado pela Câmara Municipal de Santos com a medalha de Cidadão Santista. Em janeiro de 1985 foi nomeado comissário do intercâmbio entre Santos e as cidades coirmãs Nagasaki e Shimonoseki.

Kami foi um dos principais expoentes pela devolução do antigo casarão da Escola Japonesa, que foi sede da então Sociedade Japonesa de Santos, confiscada logo após a Segunda Guerra Mundial.

Pela sua trajetória na comunidade nipo-brasileira e na Associação Japonesa de Santos, Arata Kami recebeu, no dia 6 de dezembro de 2014, o título de sócio benemérito da entidade. Em dezembro de 2016, Kami esteve presente no coquetel que celebrou os 10 anos da retomada do casarão da então Escola Japonesa, hoje sede da Associação Japonesa de Santos.

Arata Kami faleceu aos 95 anos, no dia 12 de março de 2018, em Santos.

 

 

Busca

Apoio

  • JICA
  • Bunkyo